Sobrinha e dupla assaltam própria Tia e terminam presos em Barras

A jovem Rafaela Maynara da Silva de Sousa (conhecida como Rafinha do Alto da Ressurreição),  o namorado Antonio José da Silva Santana, juntamente com o comparsa Antonio Francisco da Silva, vulgo Ubajara, que já cumpriu pena três vezes por assalto a mão armada, foram presos por assaltar uma vendedora de ouro em Barras, esta tia de Rafinha.
Rafaela, que tem 18 anos, sabendo que a tia dispunha em casa de uma grande quantidade de peças em ouro para vender, tramou o assalto. O trio mora em Teresina, mas foram a Barras só para praticar o delito. “Rafinha mostrou para os dois o local em que a tia mora e foi esperá-los no Bar o Pesqueiro”, conta o subtenente José Carcará.
Os assaltantes, portando uma arma calibre 32, entraram na casa da vendedora e roubaram todas as joias. Queriam levar também uma moto, mas não conseguiram. A tia, sem saber que a sobrinha estava envolvida, ligou para a Polícia e uma equipe formada pelo sub-tenente Carcará, Cabo S. Barbosa, Cabo Dilson, Soldado Ribamar e APC Welton conseguiram prender os dois no município de Cabeceiras, quando se dirigiam para Teresina.

Segundo o sub-tenente Carcará,  após prenderem a dupla, seguiram para Teresina em busca de Rafinha do Alto da ressurreição porque ela estava com as joias e a arma. Conseguiram capturá-la na casa do namorado no Bairro Santa Maria da Codipe. Ela foi autuada em flagrante em Teresina e encaminhada para a Penitenciária Feminina. Os outros dois voltaram para Barras para os procedimentos usuais e também descerão para o presídio.
“A Rafaela queria, além do dinheiro, um par de alianças para usar com o namorado. As joias foram avaliadas em R$ 7 mil”, conta o sub-tenente.
Esse é mais um crime cometido em Barras e resolvido ainda no período do flagrante. A policia de Barras vem conseguindo garantir a ordem no município.

Fonte e fotos policia militar e longah.com

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.