Motorista da prefeitura de Piracuruca - PI é preso suspeito de atear fogo em 5 ônibus escolares

A investigação do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco) apontou um motorista da Prefeitura de Piracuruca como o autor do incêndio criminoso que destruiu cinco ônibus escolares, que resultou em um prejuízo de R$ 700 mil aos cofres da Prefeitura do município. O motorista foi preso e dois adolescentes apreendidos suspeitos de participar do crime.

Segundo informações do Greco, o motorista identificado como Romeu Arcanjo é o mandante do crime e pagou R$ 50 para que os dois menores tocassem fogo nos veículos. O motivo seria vingança pelo motorista ter perdido a gratificação.
De acordo com a investigação, o servidor da prefeitura foi afastado de uma linha de ônibus escolar e perdeu uma gratificação por conta disso. Dias após o crime, a polícia apreendeu os dois menores que executaram o crime.

Em depoimento, os adolescentes delataram o motorista. Os menores informaram que passaram a noite em uma festa que estava acontecendo na cidade e depois passaram na casa de Romeu e pegaram um balde com combustível. Em seguida eles seguiram para o Centro De Ensino Integral Fundamental (CIEF), onde os ônibus ficam estacionados, pularam o muro e incendiaram os ônibus.

Romeu Arcanjo será indiciado pelo crime de incêndio e corrupção de menores. Os dois menores serão apresentados ao juiz da comarca de Piracuruca para que sejam enquadrados conforme os autos do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Um dos adolescentes já responde a processos por atos infracionais.

Fonte: Greco

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.